Opinião

Moderadores: JoseMorgado, pedropcoelho, Rui Viana, MHQC, amandio

Responder
MarcoS40CR
Membro em Estágio
Mensagens: 4
Registado: 28 out 2019 13:35
Contacto:

Opinião

Mensagem por MarcoS40CR » 28 out 2019 15:45

Boa tarde

Pretendo adquirir uma BMW K1100, não sei ainda qual a versão, se a RS se a LT.

A mota será para usar diariamente, num percurso de 40km dia.

Adoro este modelo, mas preciso de v/opinião.

Tenho 186cm, a mota é muito baixa? Na rs vamos muito curvados? Que consumos posso esperar com este motor? A LT é assim muito mais confortável?

Aproveito ainda para perguntar se alguém importou alguma destas motos da Alemanha e quais os custo inerentes à importação.

Desde já muito obrigado

Avatar do Utilizador
JoseMorgado
Direcção BMW McP
Mensagens: 5728
Registado: 23 jan 2008 21:41
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: Opinião

Mensagem por JoseMorgado » 28 out 2019 17:34

As K1100LT e K1100 RS são duas excelentes Motas.

A RS é uma Desportiva com grandes aptidões Turing e a LT é uma Turing com algumas aptidões Desportivas.

Tive o prazer de poder fazer alguns quilómetros com a LT do "Maltezinho", quando a levei de Lisboa para Cuba.

Imagem

Imagem

Aqui ficam algumas impressões sobre a LT:

viewtopic.php?f=37&t=6157

A RS tem um caracter mais desportivo.

Imagem

Imagem

Tudo depende dos gostos de cada um.

A RS, para viagens curtas e rápidas, por estradas retorcidas é talvez melhor.

A LT, para viagens longas, com muito conforto, mas igualmente rápidas, apresenta uma boa protecção aerodinâmica e aos elementos, é talvez melhor.

Na compra de ambas, convém ter em atenção o funcionamento do ABS.

Muitas vezes, quando não foi bem mantido ao longo dos anos, poderá dar problemas.

A LT do "Maltezinho", com uma Boa Oferta e uma Boa conversa, poderá estar à venda, pois ele já praticamente não anda com ela.
José Morgado
Sócio 237

R65 78
R100R 92
R1100RS 94
R1200RT 07
R90S 74
Imagem

Avatar do Utilizador
amandio
Membro Veterano
Mensagens: 7488
Registado: 21 abr 2008 12:05
Localização: Oslo, Norway
Contacto:

Re: Opinião

Mensagem por amandio » 28 out 2019 23:02

Eu também sou grande fã das K1100, em especial a RS.
Já tive a oportunidade de andar com ambas e (com uma altura similar 1.83m) sinto-me melhor na RS.
Embora a posição seja mais reclinada que a LT, assenta melhor ao meu estilo de condução. O que é muito subjectivo, claro.
A diferença não está nas pernas mas sim na posição mais vertical do tronco da LT, pois tem a barra de direcção mais alongada.
De resto muito pouco diferem, além da óbvia protecção aos elementos com uma carenagem mais ampla à frente.

Os consumos são na ordem do 5/6l aos 100, dependendo da intensidade do enrolar do punho, mas eu nunca passei dos 6.
E estou a falar de estradas com muita montanha, pois andei com ambas quando estava a viver na Madeira.

Em relação ao ABS, é um plus que deve ter. A mota é pesada e o ABS II (2ª geração) é definitivamente um extra a considerar.
Encontra em quase todas as K's de 94 a 96. Mas é importante, como referiu o Zé Morgado, ter um olho mais apurado/consciente a este componente.

Quanto a trazer a mota da Alemanha, o processo é relativamente simples mas, se bem me lembro, o Zé Morgado sabe melhor sobre o assunto do que eu.
Visto que é uma mota já homologada em Portugal, é apenas uma questão de registos e matrícula. Estou desactualizado dos valores.
Amândio de Aveiro
(da Madeira, que já esteve em Oeiras e agora em Oslo)
R1150 GS [2002-2013]

Avatar do Utilizador
amandio
Membro Veterano
Mensagens: 7488
Registado: 21 abr 2008 12:05
Localização: Oslo, Norway
Contacto:

Re: Opinião

Mensagem por amandio » 28 out 2019 23:09

Por outro lado, visto que está a pensar em motas na Alemanha, as K1200RS de 97 a 05 estão também a preços quase similares.
Sei disso porque tenho andado a ver motas por lá também.
O preço médio de uma K1100RS anda nos 3500 e das K1200RS nos 4000 e trocos.
E não muito longe encontra também algumas boas ofertas para a K1200GT (03-08), algumas mesmo abaixo dos 4000.
Amândio de Aveiro
(da Madeira, que já esteve em Oeiras e agora em Oslo)
R1150 GS [2002-2013]

MarcoS40CR
Membro em Estágio
Mensagens: 4
Registado: 28 out 2019 13:35
Contacto:

Re: Opinião

Mensagem por MarcoS40CR » 30 out 2019 10:34

Bom dia

Obrigado da todos pelas opiniões sempre sábias.

Apesar de achar as K1200 bonitas, o estilo mais vintage das K1100 fascina-me, porque irei iniciar a minha procura pela K1100 e, entre a LT e a RS tentarei optar pela que apresentar a melhor relação estado/preço.

Abraço

Avatar do Utilizador
abbocath
Membro Experiente
Mensagens: 1211
Registado: 26 jun 2007 12:03
Localização: Entroncamento
Contacto:

Re: Opinião

Mensagem por abbocath » 30 out 2019 12:06

Marco eu não tive a K1100 mas tive a antecessora, a K100.

A minha era a RS. E eu adorava a mota!

Tenho 1.88 e mesmo sendo mais pequena tinha uma boa posição de condução!

O resto já foi anteriormente dito! É uma mota e pêras! Seja a RS ou LT vais certamente adorar.

Boas curvas
Rui Peixoto
Sócio 689
R 75/5 1971
K 100 RS 1987
R 1150 GS 2002

Avatar do Utilizador
amandio
Membro Veterano
Mensagens: 7488
Registado: 21 abr 2008 12:05
Localização: Oslo, Norway
Contacto:

Re: Opinião

Mensagem por amandio » 30 out 2019 12:27

Cesar Magalhaes Escreveu:
29 out 2019 10:49
[...]O único conselho que te posso deixar é o seguinte:
1 - qual é a finalidade
[...]
5 - Depois de decidires o que comprar, experimenta para ver se realmente vai de encontro ás tuas expectativas
[...]
Como foi escrito na sua apresentação (que para aqui copiei), estas questões são pertinentes para a escolha da mota.
Nada como experimentar ambas e ver o que realmente lhe assenta melhor.
Sem compromisso, naturalmente, é ver o que está no mercado e marcar um encontro para ver uma mota.
Acho que neste tipo de escolha a pressa e o entusiasmo serão inimigos de uma escolha acertada.
Ver um anúncio, marcar um "teste drive", ver outro e marcar outro, até ter um felling do que é cada mota e depois decidir.

Se o objectivo é casa-trabalho e ocasionalmente um passeio (mesmo que seja longo), a RS será talvez uma boa opção.
A posição ligeiramente reclinada da RS não põe muito peso nos punhos e funciona perfeitamente. Mas em longas e continuas distâncias acaba por cansar um pouco as costas e os punhos.
Mas se o objectivo é também fazer longas e frequentes passeatas a LT será a escolha acertada. A posição vertical do tronco proporciona um descanso nas costas, nos braços e punhos que a RS não dá em longas distâncias.
Em termos de protecção aerodinâmica, ambas são excelentes, podendo atravessar uma chuva sem praticamente ficar molhado.
A LT tem uma frente maior para compensar a posição mais "levantada" na mota, mas são ambas muito eficazes.
E isto não é por acaso, a K100RS (82-92) - foi a 1ª mota no mundo a ser desenvolvida em túnel de vento.

Outra coisa a ter em mente entre as 2 motas é o peso. A RS pesa cerca de 265kgs e a LT ligeiramente acima dos 290 e tem um centro de gravidade ligeiramente mais elevado. Em andamento não se nota qualquer diferença, apenas nas manobras a muito baixa velocidade e de estacionamento.
A RS é considerada uma Sport Tourer enquanto que a LT é uma Tourer.
Amândio de Aveiro
(da Madeira, que já esteve em Oeiras e agora em Oslo)
R1150 GS [2002-2013]

MarcoS40CR
Membro em Estágio
Mensagens: 4
Registado: 28 out 2019 13:35
Contacto:

Re: Opinião

Mensagem por MarcoS40CR » 30 out 2019 15:34

Boa tarde

O meu contacto na Alemanha colocou-me a possibilidade uma R 1100 RS, que está num stand oficial BMW em Dusseldorf, aparentemente em muito bom estado, sendo no entanto mais antiga 1993 apesar de ter apenas 55000km.

Pelo que sei, esta mota tem um motor 2 cilindros boxer, o que faz vibrar a mota.

É uma hipótese a considerar a K está noutro patamar e por 750€ não justifica a diferença?

Obr

Avatar do Utilizador
amandio
Membro Veterano
Mensagens: 7488
Registado: 21 abr 2008 12:05
Localização: Oslo, Norway
Contacto:

Re: Opinião

Mensagem por amandio » 31 out 2019 08:51

O motor boxer (R) tem outro temperamento e outro carácter que o motor 4 em linha (K) não tem. Isso é um facto. :D
O motor K é suave, linear, parece seda! Tem a suavidade da pele de um bebé.
O motor boxer vibra sim, mas não é nada de outro mundo. Nem vai fazer dos nossos passeios um massacre para masoquistas.
O que este motor tem de fantático é torque, muita força, pelo que não é preciso deitar uma abaixo para efectuar uma ultrapassagem.
E é um motor igualmente capaz, mais leve, igualmente com centro de gravidade muito baixo.
Para mim, o único senão será a caixa, ou melhor, a falta da 6ª velocidade nas R1100. A sensação que falta uma velocidade mais na caixa é quase gritante.
Com a R1150 (em 2000) foi introduzida a 6ª velocidade mais longa (em overdrive), que permitia relaxar mais o motor a velocidade superiores.
As K's tinham igualmente o mesmo "problema" mas não era tão evidente na rotação do motor. Com a K1200 (1998) isso também foi "solucionado".

Isto claro, é a minha opinião, porque gosto de andar bem mas sem ter o motor a gritar, rolar em boa velocidade de cruzeiro a baixa/média rotação. :mrgreen:
Amândio de Aveiro
(da Madeira, que já esteve em Oeiras e agora em Oslo)
R1150 GS [2002-2013]

Responder

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante